Home   |  Núcleo de Memória  |  Relembre  |  Contato  |  Agenda  |  Equipe  |
 
TEMAS DO ACERVO
Livros precisam ser cuidados!

 

Uma biblioteca prima e brilha pela qualidade de seu acervo, mas também pela sua organização. Entre o recebimento do livro e sua disponibilidade há um caminho a ser percorrido, não se trata somente de carimbar, etiquetar e colocá-lo na prateleira.


 


Livros são como pessoas, precisam de cuidados. Cada exemplar que chega à biblioteca tem sua singularidade e importância. Quando recebemos uma nova aquisição seguimos uma rotina de procedimentos técnicos com características adaptadas à nossa necessidade.
O nosso acervo está registrado eletronicamente no software PHL, e uma rápida consulta nos mostra se a obra já existe em nossa coleção. Todo novo livro passa por uma leitura documental: autor, editora, ano da edição, assunto e as diversas possibilidades de classificação de acordo com o perfil de nossa biblioteca.
 

 
 

Na sequência é atribuído o número para classificação retirado da tabela internacional Dewey Decimal Classification, garantindo assim que as obras do mesmo assunto permaneçam reunidas nas estante. É através desse conjunto de atividades que se imprime a identidade de uma coleção, visando atender às necessidades específicas de seu público.
Podemos exemplificar: o Livro “Cristo Nossa Páscoa”, que em uma Biblioteca normalmente seria classificado como 230 (Teologia cristã); em nossa biblioteca recebe o número 232. 5 (Jesus Cristo – Ressurreição).
A classificação ainda não terminou, o sobrenome do autor também recebe um número retirado da tabela própria para sua representação (PHA).
É feita uma anotação dessas informações no material, juntamente com o número de tombo, que é único para cada exemplar e atribuído a partir de uma sequência própria da Biblioteca.


 


O próximo passo é catalogar o material diretamente no sistema, registrando os dados de autoria, edição, assuntos e a descrição física em uma planilha eletrônica. Este procedimento permite o controle do acervo e também a recuperação de qualquer obra através de consulta no site da Biblioteca.
Finalmente é feita a etiquetagem de identificação do material que tem a função de permitir que seja colocado na estante de acordo com a ordem numérica, e que seja encontrado facilmente depois. Uma vez catalogados, os exemplares ficam em local de destaque para divulgação e apreciação dos usuários. 
 

 

Depois do período de exposição, os livros são colocados nas estantes, mas não ficam esquecidos, são cuidados. Como pessoas, não podem ficar abandonados. Cada obra, cada aquisição tem seu valor ímpar, é apreciado, valorizado, cuidado e recomendado.


Texto: Luciana Torres Nogueira – (Bibliotecária - Abadia São Geraldo)
Irmão Fredericus Svabo Garz

Fotos: Welber Osti






Pesquisar:  


Foram Encontrados 9 Registro(s).